AddThis Social Bookmark Button

INFORMAÇÕES E NORMAS PARA PUBLICAÇÃO DE ARTIGOS NA REVISTA PARADIGMAS

Paradigmas – ISSN 1980-4342 é uma publicação do Centro de Estudos Filosóficos de Santos - CEFS, fundado em 18 de março de 2000, o qual é uma associação civil, sem fins lucrativos, com sede e foro na cidade de Santos, Estado de São Paulo, Rua Júlio Conceição, 209-B, Vila Mathias, com o fim de fomentar a crítica e análise nos diversos campos da realidade cultural e social, promovendo fóruns de debates, cursos, palestras, revista especializada e outras atividades afins, bem como levar a Filosofia a toda a sociedade, sem qualquer discriminação, contribuindo, assim, para a formação da consciência crítica do cidadão e propiciando-lhe melhor reflexão e atuação diante da realidade de que faz parte.

As prioridades da revista Paradigmas são os temas da área de filosofia. Sua periodicidade é bimestral e divulga para o grande público, sob a forma de artigos, ensaios, crônicas e outros textos, a produção científico-acadêmica de cunho filosófico. Com isso, pretende-se contribuir com a consecução dos fins do CEFS, supra descritos, e com o trabalho, a formação e a atualização de profissionais, estudantes e pesquisadores dessa área.

Além da publicação impressa, a revista Paradigmasé publicada parcialmente na Internet, com acesso livre e gratuito, pelo site www.paradigmas.com.br

A publicação dos artigos está condicionada à avaliação do Conselho Editorial, e eventuais sugestões, por parte da revista, serão previamente acordadas com os autores.

A revista Paradigmas solicita aos colaboradores o envio de seus trabalhos nos seguintes termos:

1.      digitados em Word, com fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento duplo, com, no máximo, 08 páginas, incluindo bibliografia, citações e outras referências, em folha tamanho A4 e margem de 2 cm em cada um dos lados. 

2.      Referências bibliográficas em ordem alfabética única de sobrenome de autor para todo tipo de material consultado, na seqüência: SOBRENOME, nome. Título. Edição. Local: Editora, ano.

3.      Notas de rodapé devem ser limitadas ao mínimo necessário.

4.      Ao final do artigo, deverão constar o nome do autor e a formação acadêmica para publicação.

5.       Os originais deverão ser enviados ao CENTRO DE ESTUDOS FILOSÓFICOS DE SANTOS, por uma destas formas:

a)      por e-mail, em arquivo anexado, para o endereço: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

6. A avaliação dos artigos é feita às cegas, isto é, sem indicação dos respectivos autores nem de suas formações.

7.      O autor deverá enviar, ainda, impressa ou digitalizada, autorização, conforme modelo anexo, para as publicações (impressa e Internet), com seu nome completo, RG, CIC, endereço e telefone, ficando garantido o sigilo desses dados, salvo por ordem judicial.

Centro de Estudos Filosóficos de Santos

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

 

Anexo 1: autorização

Eu, xxx, maior, brasileiro, portador do RG xxx e CPF xxx, residente na XXX, Estado de xxx, CEP xxxx , Tel. Xxxx, email xxxx, AUTORIZO o CEFS – Centro de Estudos filosóficos de Santos, a publicar, sem ônus, o artigo de minha autoria, intitulado xxxx, composto por xx laudas, rubricadas por mim e assinado ao final. Essa autorização tem validade para publicação na revista Paradigmas, tanto impresso quanto via internet, eximindo inteiramente o CEFS e a revista Paradigmas de quaisquer responsabilidades decorrentes do conteúdo do presente artigo.

  • leiamais

Leia também outros artigos

40. O realismo exemplarista
AddThis Social Bookmark Button

O realismo exemplarista:Uma breve análise da questão 46 do livro sobre oitenta e três questões diversas de Sto. Agostinho

Adriano Soler
Mestrando em Filosofia - PUCSP


O aristotelismo tenta definir a essência de uma coisa e assim, demonstrar quais características que determinada coisa deve ter de acordo com a sua natureza. Assim, surgem os aristotélicos com uma questão por demais complexa, que seria: O que é uma natureza, se ela é uma realidade superior e acima das coisas cuja natureza ela é? Ou ainda, se ela é uma construção mental que existe apenas em nosso entendimento das coisas e se assim for, em qual base ela é construída? Desta forma, se inicia o problema dos universais na filosofia medieval.

Leia mais...
38. Entrevista: A grande polêmica entre Heráclito e Parmênides
AddThis Social Bookmark Button

Entrevista

A grande polêmica entre Heráclito e Parmênides

Lídice Chaves

Estudante do 5º semestre de Licenciatura em Filosofia na UnimesVirtual

Luiz Mendes: Bem, boa noite. Um dos nossos entrevistados do Paradigmas  de hoje é o filósofo Heráclito, uma personalidade das mais instigantes do mundo do pensamento, que lança na próxima semana um novo Epigrama, como sempre abordando as questões relativas ao Cosmos e à alma humana. Conosco também o

Leia mais...
37-Teste seus Conhecimentos
AddThis Social Bookmark Button

Teste seus

Conhecimentos

 

  1. Para Vigotsky, a linguagem:
  2. Possui valor absoluto diante da realidade Leia mais...
    41. A viagem suicida pós-moderna
    AddThis Social Bookmark Button

    A viagem suicida pós-moderna

    A solidão como saída

    Mateus Ramos Cardoso

    Especialista em Ética pela Finon

                      Nosso modo de viver moderno é caracterizado pelo desenvolvimento cada vez mais rápido no qual a tecnologia a cada dia supera a si mesma. 

    Leia mais...
    Plotino do Amor
    AddThis Social Bookmark Button

    Plotino do Amor

     “O AMOR BROTA NAS ALMAS DESEJOSAS DE UNIR-SE A ALGUMA COISA BELA” (PLOTINO)

     Plotino (205-270). Filosofo neoplatônico, oriundo de família romana. Nasceu no Egito e descobriu o neoplatonismo em Alexandria. Seu objetivo era a renovação do platonismo. A filosofia de Plotino é a mais celebre do conjunto do neoplatonismo.

    Leia mais...