AddThis Social Bookmark Button

Espaço-Poesia

 

Yolanda

Que o eco de ti
se junte e se
e  x  p  a  n  d  a
E, poro por poro,
penetre na pedra
levado no sopro
da brisa mais branda

Ressoe no grilo
Cochicho canoro
Ecoe, escoe
na água que anda

Murmúrio de paz
Sussurro que abranda
E o mundo, em silêncio,
Respire: YOLANDA! 

 

Márcio Fragoso

Home      Capa

Ofertas