AddThis Social Bookmark Button

Teste seus conhecimentos

01. “O meu pensamento dominante era que foi esquecido em nosso tempo o que significa existir e o que significa interioridade”. Esta frase retrata uma crítica ao sistema idealista formulado por Hegel e foi dita por:

(a) Fichte; (b) Karl Marx; (c) Kierkegaard; (d) Nietzche; (e) Feuerbach.

 

02. “A humanidade está em contínuo progresso. Ela realiza um aperfeiçoamento constante, embora não ilimitado, do gênero humano.” Esta frase, de Auguste Comte, é característica de que corrente filosófica?

(a) positivismo; (b) romantismo; (c) pragmatismo; (d) espiritualismo; (e) estruturalismo.

 

03. “As impressões de reflexões precedem as idéias que lhes correspondem, mas seguem as impressões de sensação e procedem delas.” Esta frase expressa um pensamento tipicamente:

(a) idealista; (b) empirista; (c) platônica; (d) metafísica; (e) iluminista.

 

04. "A política é a arte de ganhar por todos os meios a guerra” Esta frase pertence a um filósofo que foi prisioneiro do nazismo e defendeu a Ética como a Filosofia Primeira. Trata-se de: 

(a) Sartre; (b) Maurice Blondel; (c) Emmanuel Lévinas; (d) Enrique Dussel; (e) Gabriel Marcel.

 

05.  A felicidade consiste no prazer de uma vida pacífica, em que se encontre a paz da alma, sem qualquer preocupação, isto é consiste na ataraxia. Esta definição diz respeito a uma das correntes filosóficas helenísticas, que prevaleceram no período pós-aristotélico, na Grécia antiga. Trata-se do:

(a) estoicismo;   (b) epicurismo;      (c) ceticismo;      (d) ecletismo;    (e) neoplatonismo.

Respostas: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Home      Capa

  • leiamais

Leia também outros artigos

Teste seus Conhecimentos - 34
AddThis Social Bookmark Button

Teste seus

Conhecimentos

Encontre no texto A EAD e a volta da Filosofia para o Ensino Médio a crítica a respeito das novas tecnologias e a forma com que estão sendo usadas e assinale a alternativa correta:

Leia mais...
Coluna do Leitor: Cultura "inútil"
AddThis Social Bookmark Button

Coluna do Leitor

Cultura "inútil"

Apesar de não percebermos, nós vivemos em um mundo em que todas as informações são atualizadas em todos os instantes, além de circularem pelo mundo inteiro em velocidades impressionantes através dos meios de comunicação mais utilizados por pessoas de todas as idades,

Leia mais...
Relação entre fato e proposição em Wittgenstein
AddThis Social Bookmark Button

Relação entre fato e proposição em Wittgenstein

As investigações desenvolvidas por Wittgenstein no Tractatus levou-o a postular uma profunda mudança na teoria do conhecimento. Wittgenstein, diferentemente de Kant, vê o mundo como uma totalidade de fatos e não de coisas. Desta forma, fundamental para o homem é perceber que os limites do seu mundo fundam-se nos limites do dizível. 

Leia mais...
40. Entrevista com Renato Nunes Bittencourt
AddThis Social Bookmark Button

Entrevista

Com Renato Nunes Bittencourt,

Doutor em Filosofia - UFRJ.
Especialista em Filosofia Grega Antiga, Espinosa, Schopenhauer,
Nietzsche, Marx, teoria psicanalítica e temas relacionados a
teoria da comunicação, comunicação corporativa, Moda
Consumo e crítica da cultura contemporânea

Colaboração:

Wellington Lima Amorim

 

1. Partindo do pressuposto de que o conceito de Pós-modernidade expressa um período de transição entre a Modernidade e um futuro ainda por ser construído, pode-se afirmar que a contemporaneidade é marcada pela desconstrução dos valores do sujeito e o aparecimento do conceito de pessoa, como recusa do assujeitamento do sujeito moderno?

Leia mais...
A dialética do conceito em Theodor W. Adorno
AddThis Social Bookmark Button

 

A dialética do conceito em Theodor  W. Adorno

Apresentação: O objetivo do trabalho é refletir acerca da “dialética do conceito” em Theodor W. Adorno. Em face disso, descreve-se uma linha de raciocínio que se desdobra em dois planos. O primeiro apresenta o conceito como condição de possibilidade da tentativa humana em dominar a natureza cuja verdade lhe é desconhecida, buscando assim, conhecer tudo aquilo que lhe é oposto segundo o princípio de identidade.

Leia mais...